RB Informa

“Pisa-pisa” faz a alegria na Educação Física

Tudo começou com a atividade do “pisa-pisa” com as turminhas do Maternal, há algumas semanas. Os alunos deveriam percorrer um caminho com diversos objetos de texturas diferentes, experienciando essa sinestesia, e ao final, registrar os pés com tinta em uma folha de sulfite. A proposta fez tanto sucesso que a professora de Educação Física Rafaela Rodrigues recebeu pedidos para que fosse replicada também no 1º ano do Fundamental I. “Eu adorei esse interesse, e acabei adaptando o percurso a todas as séries da Educação Infantil com um pouco mais de desafio a eles”, explica Rafaela.

Dessa forma, as salas do Infantil I percorreram o trajeto normalmente com o auxílio da professora; já o Infantil II e 1º ano foram vendados. Os obstáculos continham caixas com areia, pedrinhas, palha, folhas secas, grama sintética, bolinhas de plástico e, por fim, água. “Os alunos adoraram as sensações, muitas delas novas para eles. A palha e a grama sintética são os que ele tiveram mais dificuldade de identificar o que é, talvez pela falta de proximidade com esses materiais”, conclui a professora.

O principal objetivo da educadora foi estimular a sensibilidade tátil dos estudantes, algo que ela considera extremamente importante para o desenvolvimento das crianças. “Esse estímulo é essencial desde cedo. Por isso, sempre incentivamos que eles andem mais tempo descalços para realmente sentirem as diferentes texturas”, diz Rafaela. “Essa atividade também ajudou a treinar a paciência, desafiando suas mentes para adivinhar os materiais”, completa.

Ao fim dos percursos, as turmas eram reunidas em roda para discutir sobre a atividade. As caixas com areia e água foram preferência geral, e todos concluíram que a pedra é o mais difícil de pisar. “Eu gostei de ficar com os olhos fechados e acertei todo o caminho”, contou Pedro Bombardi da Cruz, estudante do 1º ano A. João Camilo Lemos Paes de Barros, do 1º ano B, fez coro ao colega. “Eu amei! Foi legal pisar nas coisas e sentir sensações tão gostosas!”.

Cursos

Venha
nos visitar

Desde 1863, nossa filosofia preserva e respeita a história de nossos antepassados, incorporando inovação e modernidade, com o objetivo de formar cidadãos críticos e conscientes de suas responsabilidades

Últimas

Notícias

ZUZU For Africa: fim da missão!

A missão chegou ao fim! A equipe do projeto social itinerante ZUZU For Africa retornou ao Brasil após duas semanas muito especiais com as crianças e famílias de Bengo, em Angola. Além de realizarem…

LEIA MAIS